Praia da Pedra do Sal e o misterioso subterrâneo dos jesuítas

Dizem alguns pesquisadores que há 3.000 anos os intrépidos fenícios descobriram as terras piauienses, ao chegarem à praia da Pedra do Sal, na Ilha Grande de Santa Isabel, no município litorâneo de Parnaíba.

Localizada cerca de 18 km ao norte da cidade de Parnaíba, a praia alia inquestionável beleza natural a incríveis lendas e fenômenos inexplicáveis. É um ambiente místico e revelador...´

 ps01.jpg - 23.07 KB
VISTA PANORÂMICA DA PRAIA DA PEDRA DO SAL.

Leia mais: Praia da Pedra do Sal e o misterioso subterrâneo dos jesuítas

Moto contínuo made in Piauí

Um sonho fantástico persegue mentes obcecadas há séculos: a construção de uma máquina de movimento perpétuo, ou seja, produz energia sem combustível, uma vez dada a sua partida! Quantas pessoas simples ou cultas, mecânicos, cientistas, químicos, filósofos e outras, terminaram seus dias enlouquecidos ou na miséria ante projeto tão grandioso e mirabolante...

Consta que o primeiro cientista a inventar um moto-contínuo seria o indiano Bhaskara Akaria (1114-1185), no século XI dC. Era uma roda com recipientes de mercúrios ao longo da borda. Uma vez acionada a roda, ela giraria perpetuamente pelo peso dos recipientes com mercúrio.

 mot1.jpg - 29.24 KB
A RODA DE BHASKARA. REPRODUÇÃO. 

Leia mais: Moto contínuo made in Piauí

Arrepiante: a convenção das bruxas em Oeiras

Situada na região central do estado do Piauí, Oeiras, a provinciana velhacap do Piauí é um rico cabedal de arquitetura colonial e história de nossa colonização. Povoada por curraleiros da Casa da Torre a antiga Vila da Mocha (criada em 1712) se tornou capital da Capitania do Piauí (na prática) em 1759.

 brux1.jpg - 45.75 KB
PRAÇA VISCONDE DE PARNAÍBA, EM OEIRAS-PI.

Leia mais: Arrepiante: a convenção das bruxas em Oeiras

O tesouro dos jesuítas

Distante uns 40 km da cidade de Oeiras, antiga capital da Província do Piauí, visitamos um conjunto de afloramentos areníticos do lugarejo Brejo, já próximo ao município de Nazaré do Piauí. O local é um extenso pediplano arenoso e pedregoso, típico de semiárido, com vegetação esturricada de caatinga.

As plantas são pequenas, tortuosas, de folhas pequenas e espinhentas. Destaca-se ali o faveiro, gameleira e cactáceas. Dado a inclemência climática e os solos incultos, o local é escassamente habitado. Uma pequena cascata, de uns seis metros de queda a pique, ameniza o calor dos excursionistas durante as curtas chuvas de verão.

Aquele relevo ruiniforme nos descortina com arcos, torres, a "pedra do sete", o "pinguim e o cachorro", além de outras formas curiosas e pitorescas de erosão. 

 j1 copy.jpg - 52.29 KB
 FANTÁSTICOS AFLORAMENTOS DO LUGAREJO BREJO

Leia mais: O tesouro dos jesuítas

Os mistérios do povoado Jabuti

No município de Inhuma, região central do Estado, está o pequeno e acolhedor povoado de Jabuti. Suas casinhas coloridas, organizadas e sombreadas por árvores frutíferas dão um toque bucólico e pitoresco ao local. Ali vive uma pacata e ordeira população de pequenos agricultores.

 ab01 copy.jpg - 97.69 KB
  IMAGEM DO PITORESCO POVOADO JABUTI, EM INHUMA.

Leia mais: Os mistérios do povoado Jabuti

www.000webhost.com