Artigos

O mistério dos irmãos Dantas em Piracuruca-PI

A cidade de Piracuruca fica localizada no norte do Estado do Piauí a cerda de 196Km da capital Teresina, todos os piracuruquenses, sem exceção, já ouviram falar sobre a lenda dos Irmãos Dantas:

Dois irmãos portugueses José e Manuel Dantas Correia, em um ato de fé, após serem aprisionados por índios fizeram uma promessa para Nossa Senhora do Carmo, caso fossem soltos construiriam um templo em sua homenagem". E assim o fizeram, a Igreja Matriz é o grande símbolo de fé da cidade e os Dantas os grandes heróis, ricos deixaram grande patrimônio para a santa.


ANTIGA FOTO DA PRAÇA IRMÃOS DANTAS  EM PIRACURUCA, AO FUNDO A IGREJA MATRIZ DE N. S. DO CARMO


 

Lenda à parte o certo é que tiveram um papel importante na história da cidade, no entanto há uma série de vazios históricos que geram vários questionamentos, vejamos:

 - O que fariam dois homens ricos embrenhados em uma selva desconhecida expostos ao ponto de não saberem que ali existiam índios ferozes que poderiam colocar em risco as suas vidas?

- Qual a real data da chegada deles a Piracuruca, quando Manuel Dantas morreu e quando José Dantas foi embora?

- Deixaram descendência em Piracuruca?

- Se construíram a sua riqueza em Piracuruca, como o fizeram em tão pouco tempo?

- Porque o testamento foi atribuído somente a Manuel Dantas, que por tradição oral morreu primeiro? E José Dantas, abriu mão de tudo?

- O que fez José Dantas partir deixando pra trás 9 fazendas, além de gado, benfeitorias, carnaubais e jóias?

- Qual a relação deles com os padres jesuítas?

- Qual foi o verdadeiro paradeiro de José Dantas Correia?

Com relação ao último questionamento existem três hipóteses:

1 – Teria voltado para Portugal;

2 – Ido para Pernambuco trabalhar com moagem de cana-de-açúcar;

3 – Teria ido para o Rio Grande do Norte onde fundou a cidade de Carnaúba dos Dantas.

Observando a história dos Dantas de Carnaúba dos Dantas-RN vê-se que teria sido um tal Capitão Mor José Dantas Correia o grande progenitor, pai de Caetano Dantas Correia a quem é atribuído a fundação da cidade:

Conta à história, que a antiga região do Seridó por volta de 1613, era habitada apenas por índios das tribos Canidés, Janduís e Pegas. Um dos primeiros povoadores de Acarí do Rio Grande foi Tomáz de Araújo Pereira casado com Maria da Conceição Mendonça, vindo da Paraíba e localizando-se na fazenda São Pedro. Sua filha Josefa de Araújo Pereira (1739-1816) casou-se com o Tenente Coronel Caetano Dantas Correia (1710-1797) o Patriarca, dono da Fazenda Picos de Cima em Acarí, filho do Português Capitão Mor José Dantas Correia e da paraibana Izabel Rocha Meireles, donos do Engenho Fragoso nas imediações de Olinda/PE. O Patriarca Caetano Dantas Correia, comprou umas terras no Riacho Carnaúba, e anos dos bons invernos e grandes enchentes, o riacho tomou outras dimensões e caminhou no roteiro do Rio Carnaúba. Os filhos do Patriarca resolveram então edificar fazendas para criação de rebanhos na região" [1]


MONUMENTO A CAETANO DANTAS, LOCALIZADO NA PRAÇA CAETANO DANTAS (ANTES DE SER DESTRUÍDA), CARNAÚBA DOS DANTAS-RN - Foto: Helder Macedo (2004) - Acervo: Helder Macedo [2]


O Capitão Mor José Dantas Correia nasceu na Vila de Barcelos, distrito de Braga (Portugal) em 24 de dezembro de 1652 e casou-se em com Isabel da Rocha Meireles nascida em 1688 na Paraíba, veja sua árvore genealógica:


ÁRVORE GENEALÓGICA DO CAP MOR JOSÉ DANTAS CORREIA [3]

 

Seguindo no estudo de sua árvore genealógica temos um detalhe importante, Manuel Dantas Correia, coincidência ou não o Capitão Mor José Dantas Correia também tinha um irmão chamado Manuel Dantas Correia, veja:

Em destaque Manuel Dantas Correia, irmão do Capitão Mor José Dantas Correia [4]

Analisando as informações vemos que há sérios motivos para supor que José Dantas Correia e o Capitão Mor José Dantas Correia se tratam da mesma pessoa, com relação às três suposições expostas pelos historiadores sobre o paradeiro de José Dantas Correia pode ter ocorrido dele, ao sair de Piracuruca, ter ido realmente para Pernambuco, casado com Isabel da Rocha Meireles e seu filho o Ten Cel Caetano Dantas Correia, nascido em 1710 teria dado origem à cidade de Carnaúba dos Dantas-RN.

Por outro lado existe uma certa discrepância com relação às datas, pois caso sejam realmente a mesma pessoa, José Dantas Correia teria que ter saído de Piracuruca antes de 1700, o que seria impossível na concepção dos historiadores que datam a chegada a dos Dantas a Piracuruca em 1718, 1722 ou 1726.

O certo é que é um vasto território para pesquisa, se realmente a tese de serem o mesmo personagem se confirmar abre a possibilidade para realmente descobrirmos a verdadeira história dos Irmãos Dantas e a nossa própria história. 

É uma campo fértil para historiadores e pesquisadores. Quem se habilita???

----------------------------------------

[1] Jardna de O C Jucá - ORIGEM DE CARNAÚBA DOS DANTAS ( Parte I a ) endereço eletrônico: http://groups.msn.com/3981qo6k32b96h7rcd59/histria.msnw?action=get_message&mview=0&ID_Message=192&LastModified=4675446464105346401
(acesso em 25 de julho de 2006)

[2] www.cerescaico.ufrn.br/geps/cartilha/cartilha.pdr
(acesso em 26 de julho de 2006)

[3] http://genealogia.netopia.pt/0913/costados.php?id=1011832
(acesso em 26 de julho de 2006)

[4] http://www.geocities.com/joaoslopes/genealogix/genealogix3x2.html#ad%20correia
(acesso em 28 de julho de 2006)

www.000webhost.com