Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /storage/ssd4/909/1073909/public_html/libraries/joomla/log/entry.php:1) in /storage/ssd4/909/1073909/public_html/libraries/joomla/session/session.php on line 531

Warning: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /storage/ssd4/909/1073909/public_html/libraries/joomla/log/entry.php:1) in /storage/ssd4/909/1073909/public_html/libraries/joomla/session/session.php on line 531
Portal Piracuruca - Desvendando o Piauí

Artigos

O Fidel Castro piauiense

Fidel Castro mora no Piauí? É claro que não, o ditador cubano mora em Havana. Mas há um, digamos, autoproclamado sósia seu, na localidade Barreiras, município piauiense de Valença do Piauí. Este cidadão, de nome Justiniano de Souza Martins mora (ou morava) num casarão que segundo ele, é tão antigo que teria precedido em dois anos a instalação da vila de Valença, que ocorreu em 1762.

Nós entrevistamos Fidel Castro em 1999, quando ele afirmava ter 60 anos de idade. Alto, magro, barbudo, nervoso, desconfiado, agressivo nas palavras, mas um tanto receptivo às entrevistas, nós o encontramos em seu traje habitual, botas e calça camuflada do exército. O apelido, fomentado pela semelhança, é carinhosamente adotado pelo caboclo.

O cidadão valenciano nos fala de suas delirantes aventuras e caçadas, de seus rifles e de suas confusões e brigas com grande desenvoltura, o que deixa o visitante um tanto quanto acanhado.


JUSTINIANO SOUSA, O "FIDEL CASTRO".  


A fazenda Barreiras  está localizada às margens da Br-316, a 21 quilômetros da sede do município de Valença.

Segundo Fidel Castro, aquela seria a  mais antiga construção de todo o Município e, por extensão, de todo o Estado, já que, além de uma ou outra igreja, nada restou de construções do século XVIII no Piauí. 

Orgulhoso, Fidel Castro nos aponta uma placa metálica cravada na parede, onde se lê: Data Varzea do Mel; Fazenda Barreiras; dono Justiniano de Sousa Martins 1760.

A placa original, segundo ele, teria sido destruída pelo tempo, tendo ele providenciado aquela substituta.


PLACA DE IDENTIFICAÇÃO DA FAZENDA DE "FIDEL CASTRO".


Diz-nos Fidel Castro que sua espaçosa casa foi construída pelo seu “tataravô” José Inácio de Souza, quando não havia nada por aqui. Ele afirma que a residência está preservada como seu antepassado lhe legou. Tudo seria original: as espessas paredes, colunas as portas as vigas do teto, as telhas, etc. A nós não pareceu que a casa tivesse muito mais que um século de existência. No máximo, teria sido erigida sobre ruínas anteriores.


FACHADA DO CASARÃO DE "FIDEL CASTRO".



QUINTAL DA CASA DE FIDEL

 

Segundo Fidel Castro, que parece misturar fantasia com realidade, a região da fazenda e adjacências já foram ricas em garimpos de diamantes. Vinha garimpeiro de todo lugar. Ele mesmo afirma que tentou garimpar, mas terminou só encontrando fósseis. Os únicos municípios do Piauí onde houve e infelizmente ainda há diamantes no Estado são Gilbués e Monte Alegre, o que é, por sinal, uma das causas da suas tenebrosas desertificações. Não há, ao longo dos registros históricos do Estado, nenhuma alusão a diamantes em Valença. 

Sobre os fósseis, nos falou sobre pesquisadores que teriam estado na fazenda, e com o seu auxílio e orientação, recolheram amostras de rochas sedimentares com tribolitas encravados. Os trilobitas são pequenos animais marinhos, extintos há milhões de anos. Disse ainda que possuía pedaços de rochas em seu quintal, onde poderia nos mostrar os fósseis. Vimos o que nos mostrou, mas não percebemos ali  nenhum material paleontológico encravado.

Ainda como curiosidade, Fidel Castro utilizou este apelido para se candidatar a vereador pelo município de Valença em 1982, ocasião em que conseguiu pouquíssimos votos. Outro Fidel no poder é demais...

www.000webhost.com