Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /storage/ssd4/909/1073909/public_html/libraries/joomla/log/entry.php:1) in /storage/ssd4/909/1073909/public_html/libraries/joomla/session/session.php on line 531

Warning: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /storage/ssd4/909/1073909/public_html/libraries/joomla/log/entry.php:1) in /storage/ssd4/909/1073909/public_html/libraries/joomla/session/session.php on line 531
Portal Piracuruca - Desvendando o Piauí

Artigos

Enigmas da Casa do Dragão

Uma longa caminhada rompendo as raquíticas matas da região de Formosa, em Pedro II, norte do Piauí, nos permite alcançar o ermo lugarejo denominado Cabeceira do Carcará. Desabitadas e isoladas, as cercanias nos oferecem o vistoso encontro com um misterioso monumento de pedra construído pela natureza. Trata-se de um enorme salão, com inúmeros blocos rochosos soltos em suas redondezas e, em sua vizinhança imediata, uma caverna, de onde esvoaçam incontáveis morcegos.

 aaaa copy.jpg - 84.32 KB
  A IMPRESSIONANTE CAVERNA DO DRAGÃO

Temos, pois, o que chamamos de “Casa de Pedra do Dragão”, com suas paredes e tetos repletos de pinturas pré-históricas em cor vermelha. O salão merece esta denominação pela intrigante presença de uma figura rupestre monstruosa, com membros disformes, à maneira do Dragão da Sétima Cidade (no Parque Nacional de Sete Cidades-PI). Nada mais era do que a personificação das noites aterradoras, das horripilantes trevas e dos caóticos eclipses. O Dragão parecia sempre estar fustigando e vencendo parcialmente o Deus-Sol dos antigos...

 bbbbbb copy.jpg - 90.85 KB
  O DRAGÃO DAS TREVAS

 Aliás, a noção de morte e regeneração (ressurreição) ocorre numa outra cenografia rupestre ali na caverna, que mostra uma borboleta (a lua ou a morte), ao lado de círculos concêntricos, simbolizando o movimento dos astros e da vida.

Muito vistosa, temos pintada no teto do salão uma sinuosa serpente em pontilhados, de boca aberta e prestes a devorar uma barca. Ali temos a alegoria dos antigos brasílicos na forma da via-láctea (a serpente) prestes a engolir o sol (a Barca-Solar). Nada mais do que uma multimilenar interpretação da participação do astro–rei em nossa galáxia... Nada mais do que a convicção de que o antigo Deus-Sol fazia parte de uma amplitude cósmica bem mais abrangente, a Via-láctea...ccccc copy.jpg - 100.67 KB
  A SERPENTE A ENGOLIR A BARCA-SOLAR

Outras figuras, ora pintadas no teto, ora nas paredes do amplo salão, são círculos concêntricos, tipos humanos estilizados, borboletas, polígonos, e impressões de mãos.

  dddd.jpg - 25.54 KB
  PINTURAS RUPESTRES DA CASA DO DRAGÃO

 Sem dúvida, a Casa do Dragão foi um antigo cerimonial e de reunião dos maiorais e piagas da antiga civilização brasílica, fortemente influenciada pela enigmática civilização megalítica universal. Ali se tomavam importantes decisões tanto no aspecto espiritual quanto nas ações políticas dos multimilenares povos da região.

Os pequenos córregos das redondezas garantiam a viabilidade da Casa do Dragão como um centro cerimonial e de decisões tribais...

E o que emanou daquele recinto sagrado em todos os sentidos sem nenhuma dúvida abrange uma área bem extensa. 

Principalmente na forma de pinturas rupestres, os vestígios do antiquíssimo Deus-Sol e do tenebroso Dragão espalham-se por todo o norte do estado do Piauí.

 

www.000webhost.com