Print Friendly, PDF & Email
Print Friendly, PDF & Email
Patativa-verdadeira


Família: Emberizidae Subfamília: Emberizinae  Espécie: Sporophila

Canto:

Comprimento: 10,5 cm. Presente em duas regiões separadas: 1) na Amazônia, nos estados de Roraima, Amapá e Pará (Ilha de Marajó); 2) do Mato Grosso ao Piauí e noroeste da Bahia, em direção sul até o Rio Grande do Sul, estando ausente dos estados litorâneos até o norte de São Paulo. Migra durante o inverno nas áreas mais ao sul (como Santa Catarina), aparentemente por falta de alimento. Encontrada também nas Guianas, Venezuela, Colômbia, Peru, Bolívia, Paraguai e Argentina. Tem um dos cantos mais melodiosos entre todos os pássaros.

Às vezes imita outras espécies, como o bem-te-vi. Varia de incomum a localmente comum em campos com gramíneas altas, cerrados, vegetação à beira de rios, buritizais e outros locais pantanosos. Vive em pequenos grupos, às vezes associados com outros pássaros que se alimentam de sementes. Faz ninho na forma de uma xícara aberta e rala. O macho é cinza-azulado; a fêmea é marrom-clara. Conhecida também como patativa-da-serra, patativa-do-cerrado e patativa-da-amazônia.


Fonte: http://www.eln.gov.br/Pass500/BIRDS/port.htm

<= Voltar