Print Friendly, PDF & Email
Print Friendly, PDF & Email
Sebito (Cambacica)


Família: Emberizidae Subfamília: Coerebinae  Espécie: Coereba flaveola

Canto:

Comprimento: 11 cm; peso: 10 g. É das espécies mais comuns e abundantes do Brasil. Presente em quase todas as regiões do País. Pode estar ausente de regiões extensivamente florestadas, como no oeste e centro da Amazônia. Encontrada também do México ao Panamá e em todos os países da América do Sul, com exceção do Chile. É comum em uma grande variedade de hábitats abertos e semi-abertos onde existam flores, inclusive em quintais. Vive solitária ou aos pares e é bastante ativa, buscando alimento em qualquer altura. Alimenta-se de néctar e frutas.

Faz ninho esférico que pode ser de dois tipos, segundo sua finalidade: 1) construído pelo casal para reprodução, o qual é relativamente alto e bem acabado, de acesso pequeno, superior e dirigido para baixo, coberto por longo alpendre que veda a entrada, 2) construído para descanso e pernoite, o qual é menor, de construção frouxa e com entrada larga e baixa. Põe de 2 a 3 ovos branco-amarelados, com pintas marrom-avermelhadas. A incubação é feita exclusivamente pela fêmea. Conhecida também como mariquita, caga-sebo, sebito, chiquita (Rio de Janeiro), papa-banana (Rio Grande do Sul), saí e tem-tem-coroado (Pará).


Fonte: http://www.eln.gov.br/Pass500/BIRDS/port.htm

<= Voltar